41 thoughts on “Embaixada do Brasil em Varsóvia – Republica da Polônia

  1. oi gostaria de informaçoes onde encontrar algum documento que comprove que meus bisavos vieram da polonia , pois no momento so encontrei a certidao de nascimento do meu avo , que consta que o pai deles vieram da polonia-russa, mas nao sei onsde encontrar passaportes deles e se realmente fizeram. poius se vieram p´rovavelmente teria algo que contassse isso, ou algum dociumento que registra a chegada deles ao brasil o local exato e ano. pois viveram em mallet no parana em colonia que falçavam praticamente o polones. mas ain]da nao encontrei nem documento de obito deles. obrigada espero quye se souber como enconmtrar me enviasse um e-mail, pois pretendo tirar cidadanoia polonesa, pois meus avos eram poloneses, bisavo. obrigada.

  2. ola! gostaria de saber quais os requisitos para entrar com o pedido de cidadania polonesa pois sou decendente de polones, meus bisavós sao polonês.
    Gostaria de saber ate que grau de perentesco se posso pedir a decendencia e como fazer.
    Obrigado e ate mais

  3. sou filha de polones procuro documentos de entrada dos meus pais no brasil mais nao consigo encontrar,pois so tenho a certidao de obto se puder me ajudar eu agradeco muito grande abraco.

  4. ola meu nome e jean estou em londres e gostaria de saber se posso dar entrada a minha cidadania polonesa ai na polonia??? .ja estou com todos os papeis prontos…e mais rapido???obrigado

  5. Boa noite

    Sou descendente de Poloneses , e gostaria de saber se ainda hoje possuo algum(s) parentes na Polonia.Caso não seja o órgão competente , solicito que me oriente de que forma poderei obter essa informação.
    Segundo alguns familiares, quando nossos bizavós vieram para o Brasil, nosso sobrenome se escrevia assim :
    ZYTKUEWICZ, mas por algum erro mais tarde passou a ser escrito assim : ZYTKUEWISZ

    Certo de sua atenção , desde já agradeeço no aguardo de uma resposta.

    Atenciosamente
    Roberto José Souza Zytkuewisz
    TIJUCAS/SC

  6. Caros amigos!

    Me chamo Gabriel Passos, sou brasileiro, tenho 24 anos, estou em Portugal á 7 anos com minha família e tenho o Título de residencia. Estou querendo passar 1 mes (Outubro) em Varsóvia, Polonia, com intenções de mudar-me para lá.

    As minhas dúvidas são:

    – Se ha alguma dificuldade de entrar no país e se ha facilidades, quais são?

    – Uma vez dentro do pais como turista, tendo como principio que não é necessário o visto como posso proceder para me legalizar no pais após os 3 meses?

    – Sendo que estou legal em Portugal posso ter alguma vantagem na Polonia para conseguir me legalizar e conseguir o visto, se não o que tenho que fazer para consegui-lo?

    Obrigado, Gabriel Passos.

    (Aguardo a vossa resposta)

  7. Vou me casar com um Polones. Gostaria de saber se posso me casar em Londres e se casando, tenho permissao para trabalhar no Reino Unido.

    Obrigada, Cintia.

  8. bom dia, estou indo à Varsóvia nos dia 09 de agosto /2010, e gostaria que me informassem algum contato brasileiro. Ficarei apenas uma semana, mas queria ter algumas instruções. Se possível peço que me enviem o contato, e-mail, ou msn de algum brasileiro que resida em varsóvia.. Obrigado

  9. Para: Paula, Eder e Wanda – para procurar os documentos na Polônia precisa -se saber a localização exata, porque não existe o registro central do país de nascimentos. Por isso recomendo recolher mais dados possíveis do Arquivo Nacional no Brasil sobre o imigrante, para ter disponíveis mais dados possíveis (datas, lugares, filiação). Mas além da certidão de nascimento do ancestral, existem muitas outras exigências da lei, por exemplo que até 1951 a cidadania herdava-se pela linha paterna somente, e spo no caso que o homem não foi alistado no exército brasileiro. Por isso, precisa checar todas as exigências da lei antes de começar a busca das certidões, para saber se vale a pena.

    Para cidadania: pode dar entrada direto na Polônia, sim. É bem mais rápido. Pode fazer isso pessoalmente ou através de um representante. Qualquer coisa, mais informações leia em http://www.cidadania.pl

    Para Roberto: o seu sobrenome de família original com certeza era Zytkiewicz. Mas como tem mais de 500 pessoas com esse nome na Polônia (pelo menos assim diz a estatpistica), teria que saber de onde vieram os seus ancestrais, para poder dar uma estimativa melhor. Tente procurar mais informações nos arquivos brasileiros de imigração.

    www. cidadania.pl

  10. Olá! Procuro urgente por alguém da família Mleczarski na Polônia. Somos do Brasil e queremos conseguir contato com nossos parentes poloneses. Se alguém puder ajudar com alguma informação ou sugestão de onde posso procurar me ajudem. Obrigado.

  11. De acrodo com a recente alteração de Código de Procedimento Administrativo Polonês de 11.04.2011 o solicitante residente no exterior precisa nomear um REPRESENTANTE/PROCURADOR QUE RESIDA NA POLÔNIA e que será autorizado de receber a correspondência dirigida ao solicitante.

    A nomeação do representante/procurador significa que todos os comunicados do órgão responsável pelo processo serão enviados para o nomeado.

    Caso não seja nomeado nenhum representante/procurador para representação na Polônia, todos os comunicados relacionados ao processo serão arquivados e assim tratados como entregue.

    Isso refere-se aos processos de confirmação de cidadania e outros processos nos órgãos da administraçao pública.

    Na prática essa mudança da lei significa que os consulados não vão mais receber e encaminhar os comunicados sobre os processos para solicitantes, podendo servir somente como o ponto inicial de entrega da documentação. Todo o processo vai ter que ser conduzido pelo representante legal que vai atuar em forma parecida do despachante no Brasil.

    Então cada pessoa que entra com pedido de cidadania precisa nomear um representante residente na Polônia, no mínimo para fins de entrega de documentos, isentando desta forma os consulados de ônus de se comunicar com o solicitante durante o processo.

  12. Prezados,

    Boa noite!

    Sou um empresário brasileiro e estou avaliando a possibilidade de importar um equipamento polonês (vibroprensa, das indústrias Henkys).

    Já fiz contatos com a empresa e pretendo visitá-la, para conhecer melhor o equipamento.

    Não falo inglês, nem polonês. Necessito de um suporte desta embaixada, para facilitar esta visita. Seria possível?

    Aguardo consideraçõese agradeço desde já!

    Att,
    Carlos Siqueira

  13. tenho descendentes poloneses e sei falar muito pouco a lingua polonesa, gostaria de saber como posso ter contato com alguem de la para trocar e-mails ou cartas, assim poderei conhecer melhor a Polonia e treinar a linguagem e escrita. obrigada!

  14. CONHEÇO UMA PESSOA QUE RESIDE NA POLÔNIA,QUERO QUE ELE VENHA AO BRASIL. O QUE É PRECISO PARA ELE VIR?
    AGUARDO ANSIOSA POR UMA RESPOSTA.

  15. olá gostaria de saber se tenho parentes por ai, meus bisavós vieram para o Rio Grande do Sul.
    seu que por questões que não vem ao caso meu sobrenome foi alterado, Minha avó era Tyzska e meu avô era Gawblinsky. vou pesquisar mais e se possível a embaixada ajudar, ficarei grata.
    atenciosamente.

  16. Procuro descendentes de polonês com sobrenome Golebiewski, meus avós são poloneses e perderam o contato com seus familiares quando viarão para o Brasil depois da Segunda Guerra Mundial. Se possivel me ajude ficarei grata

  17. BOM DIA!
    SOU NETA DE POLONESA, ELA VEIO COM 5 ANOS DE IDADE PARA O BRASIL, DEVIDO A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL. SEGUNDO MEU PAI ELA FALAVA O POLONÊS CLÁSSICO. PORÉM DESCOBRI HÁ POUCO QUE SEU SOBRENOME PIECZYKOLAN, DIZEM QUE NÃO É POLONÊS E SIM RUSSO. ELA MOROU NA VARSÓVIA. GOSTARIA DE SABER ALGO SOBRE AS ORINGENS DELA. TAMBÉM AINDA GOSTARIA DE SABER SOBRE AS ORIGENS DO SOBRENOME CIUS (PRONÚNCIA TIUS) MEU AVÔ PATERNO TAMBÉM VEIO DE ORIGENS POLONESA SÓ QUE JÁ NASCEU AQUI NO BRASIL.
    OBS: AMBOS JÁ SÃO FALECIDOS.

    ATENCIOSAMENTE,
    MARIA AMÉLIA CIUS

  18. Bom dia!
    É, como vocês comentaram sobre a dificuldade de encontrar algo, mas minha Avó Ana Pieczykolan, falecida em 31 de dezembro de 1960 aos 57 anos de idade (corrijo escrita anterior enviada, pois não é segunda guerra e sim a primeira guerra). Vieram de navio para cá. Quem sabe haja uma lista dessas pessoas.
    OBS: meu avô(André Cius), meu pai não sabe se ele nasceu aqui ou na Polônia, mas ele se correspondia por carta com parte da família dele que ficou na Polônia, porém ele acabou perdendo contato, não recebendo mais cartas; e infelizmente não há nenhuma carta guardada pela família de meu pai.

    Maria Amélia Cius

  19. Gostaria de ver como pedir cidadania polonesa. Meu bisavô é polonês de varsóvia, meu avô nasceu no Brasil e minha mãe também….gostaria de saber se somente serve a certidão de nascimento para comprovar a origem…..tenho a certidão de óbito do meu bisavô…e preciso do RG dele…como proceder?…..depois de confirmar o nascimento de meu bisavô terei que confirmar que meu avô é filho e minha mãe é filha….resumindo: preciso da certidão de nascimento de todos correto?….terei que pedir cidadania para minha mãe para depois pedir para mim ou nao necessariamente?…obrigado

  20. GENTE ..POR FAVOR O QUE EU FAÇO E COMO FAÇO PARA ME CASAR NA POLONIA COM O MEU AMADO?….QUAIS OS DOCUMENTOS? PLEASE … HELP!! SO ENCONTRO BUROCRACIA . VOU MORRER!!! ONDE SERA MAIS FACIL LA OU NO BRASIL? COMO FAÇO/; POSSO CASAR NA EMBAIXADA?

  21. Jorge, para saber o seu direito à cidadania polonesa, por favor, entre no meu site http://www.cidadania.pl e preencha o formulário de avaliação, que é gratuita.

    Silene, para casar acho mais fácil no Brasil, porque na Polônia você vai precisar de um alvará do tribunal, em virtude de falta da certidão sobre a possibilidade de casar que o Brasil não emite e é exigida aqui na Polônia.
    Nesse sentido o Brasil é menos burocrático.
    O seu noivo teria que legalizar as certidões dele no Consulado do Brasil, depois traduzir com o tradutor juramentado no Brasil e dar entrada no cartório.

  22. Boa tarde a todos

    Como faço para saber de meus antepassados na Polonia, eles vieram de Varsóvia durante a guerra (Eva Malichevski e Inácio Ijorski.
    Gostaria de obter qualquer informação a respeito, alguém pode me ajudar?

    1. ola eu sou bisneto de inacio ijorski eu só neto de sua filha dorvalina ijorski
      que legal nós somos parentes meu bisavo morou na vila ema são paulo ele tabalhou na antiga cia mogiana de trens , se tiveres facebook me adicione clepton lima

  23. Boa noite! Meu avô nasceu na Polonia em 1907, e até antes de 1918 não podiam ter a cidadania polonesa, pois o país Polônia formalmente não existia como estado independente. Eu nem mesmo sei que documento (passaporte ?) ele teria. Eu sei que veio para o Brasil próximo a primeira guerra mundial (não sei ao certo quando)e não possuo documentos dele.Tenho porém, a certidão de casamento onde confirma a nacionalidade polonesa e também o óbito. O que posso fazer para conseguir algum documento dele ? Obrigada. Lídia Dragon

  24. Sou brasileiro, descendente de Poloneses. Gostaria de buscar informações da Família Szercman. Soube que meu bisavô, Sr. Adholfo Szercman, casado com a Srª. Anna Wornhor Szercman, era dono de uma Fábrica de Luvas de Couro em Varsóvia. Obrigado.

  25. Sou descendente de Poloneses , e gostaria de saber se ainda hoje possuo algum(s) parentes na Polonia.Caso não seja o órgão competente , solicito que me oriente de que forma poderei obter essa informação.
    Segundo alguns familiares, quando nossos bizavós vieram para o Brasil, nosso sobrenome se escrevia assim :
    ZYTKUEWICZ, mas por algum erro mais tarde passou a ser escrito assim : ZYTKUEWISZ
    Certo de sua atenção , desde já agradeço no aguardo de uma resposta.
    Atenciosamente

    Dirceu Bauer Zytkuewisz

  26. Ola,

    Sou descendente de poloneses e gostaria de saber se no meu caso em que nasci em 1973 eu consigo nacionalidade ou nem adianta correr atras da documentação?

    Obrigada, lilian.

  27. Prezados senhores,
    a grafia do sobrenome de meu avó foi alterada, acho que se escreve Zytkiewcz. Gostaria de maiores informações.
    Obrigado

  28. Bom dia
    Estou a procura de onde meu avô veio,de onde os pais deles são?
    Bisavós paternos Pedro Bejatto e Paschoa Bondesani.
    Avós paternos Domingos Beiato e Adélia Abatti ou Abate.
    Meu avô Domingos Beiato falava muito em Fliury/Venezia e em Turim na Itália,mas nada foi encontrado dele e nem dos meus bisavós em Trento,o nome dele não consta na lista leva em nenhum lugar do Brasil e da Itália.
    Aqui no Brasil tem muita gente com este sobrenome,Bejato,Bejatto,Beiato, as pessoas com quem conversei nada sabe.Recente descobri uma pessoa com este sobrenome e li uma parte da sua história vi a palavra Polaco/Polônia.
    Estou tentando falar com eles,coloquei o nome e sobrenome do meu bisavô no site Family Serach qual foi minha surpresa? Consta que ele é polonês.Fiquei arrasada! Muito triste com o que eu li ali.Precisar mando para vocês o que descobri.A mãe do meu pai morreu misteriosamente,até hoje ninguém fala e não sabem de nada.Só preciso saber se meu avô veio realmente da Polônia,aqui ele casou,formou família e faleceu.Temos a documentação de Casamento e Óbito dele com os nomes dos pais e que ele veio da Itália.Nou neta de italianos por parte de pai e mãe.A parte da minha mãe família Dal Pozzolo está tudo ok.
    Um grande sonho!!!
    Conhecer onde meu avô Domingos Beiatto nasceu,se for da Polônia é uma grande felicidade!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.